Olho clínico para compras – dicas para treinar o olho e fazer bons achados

Sabe quando você entra naquela lojinha que aparentemente não tem nada de bom, começa a olhar as coisas e bem do nada acha uma peça super interessante com aquele preço amigo? Então eu tenho olho clínico para fazer esses achados, minha mãe sempre fala “ai adoro quando você procura as coisas pra mim porque você tem um olho para umas coisas que eu não tenho” e é isso mesmo, as vezes apareço com algumas coisas que tem gente que nunca daria valor pro achado, mas existem algumas dicas para treinar o olho clínico.

Normalmente, quando eu entro em uma loja eu dou uma andada para reconhecer o ambiente e ver onde estão as coisas que eu quero dar uma espiada, aí começo a fuçar nas araras e eu sempre acho coisas interessantes que estão lá largadas e rejeitadas, esses são os melhores achados. Nossa já perdi a conta de quantas coisas que eu achei e minha mãe olhava com aquela cara de não gostei, você é louca de levar isso. Aí chega em casa e ela fala “nossa você tem um olho, na hora eu não gostei mas é lindo”. Ela costuma falar que eu tenho gosto de vó, porque curto aquelas estampas meio azulejo português com cores e uns modelos mais diferentes, mas essas peças mais vovó compõe looks super lindos com outras mais esportes ou modernas.

Mas eu não fui sempre assim, quantas vezes olhava aquelas lojas bagunças e ficava com preguiça de olhar e procurar, mas aí está o segredo, lojas muito organizadas ou que oferecem tudo na mão normalmente são mais caras e as vezes as coisas nem são tão legais assim. Mas aquela loja de rua que você não dá nada sempre vai ter aquele achado legal, e eu não estou falando de valores, falo de peças de qualidade e que são bonitas e diferentes, que na hora de montar um look fazem toda a diferença. Já comprei muita coisa mais cara nesses meus achados, tudo depende do que você busca e da beleza da peça.

Estou tentando treinar minha mãe a ter esse olho, mas não é fácil eu mesma demorei um bom tempo e até hoje acho que não sou expert, mas estou quase lá. Eu me treinei graças ao meu pai que adora lojas e sempre que vamos viajar ele faz questão de parar em todas, no começo era suuuper cansativo, as lojas nos Estados Unidos são bem diferentes daqui, principalmente as de Outlets e as de centros comerciais na rua. Aos poucos eu fui fuçando aqui, ali, e percebi que existiam muitas coisas legais para eu comprar, eu só precisava de paciência, e isso não só lá, aqui no Brasil também. As vezes a gente fica muito preso a lojas conhecidas e marcas famosas, mas sempre tem algo legal nas lojas de rua ou menos famosas, existem certas coisas que realmente precisam ser de marcas boas como calça jeans, maquiagem, perfume, shampoo, mas muitas outras tem que ser apenas de qualidade independente do lugar que você for comprar ou a marca escolhida.

Aqui vão algumas dicas para começar a treinar os olhinhos a fazer bons achados em qualquer lugar

1. Ter tempo e paciência para ir a lojas.

2. Entrar de cabeça nas araras, fuçar tudo e olhar mais de uma vez.

3. Experimentar tudo, até aquelas coisas que ficou na duvida se gostou ou não. No corpo as roupas se revelam e coisas que pareciam ser lindas ficam péssimas e outras que são mais ou menos ficam ótimas.

4. Entrar em lojas desconhecidas e de rua, sempre tem coisas de ótima qualidade com preço bom.

5. Lojas de departamento não são tão chatas se você for nos lugares certos, escolha o tipo de roupa que você quer e fique somente em uma seção até ter olhado tudo.

6. Não deixe de olhar o fundo das lojas que normalmente tem peças em liquidação, ou até mesmo aquele balção todo bagunçado e cheio de coisas, os achados sempre se escondem e não ficam a vista de todos.

7. Provou e ficou na dúvida? Tire foto, várias, segure a peça com você na sacola de compras e continue procurando mais, para decidir olhe e as fotos, se precisar prove de novo.

8. Saber o que queremos sempre é um primeiro passo, mas se você só está passando o tempo no shopping e não tem intenção de comprar nada sempre se pergunte “Onde eu vou usar isso?” “Com quais peças que eu tenho que isso combina?” “O preço está bom?” “Eu realmente preciso?”

9. Saber o quanto você pode gastar para não fazer loucura.

10. A beleza real da peça a gente só consegue vem em casa.

Claro que não é sempre que podemos comprar tudo que gostamos, e para a gente começar a treinar os olhos não adianta entrar na loja dar meia olhada e ir embora, a gente tem que procurar com vontade que as coisas boas aparecem, mas sempre tem aquele dia que por mais que a gente procure nada nos agrada, isso é normal, agora se você está naquele dia que não pode gastar nem comece a procurar, porque é certeza que você vai achar.

Espero que essas pequenas dicas tenham sido úteis, para vocês fazerem bons achados.

Beijos

Anúncios

Um comentário sobre “Olho clínico para compras – dicas para treinar o olho e fazer bons achados

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s